Escola Básica de Corte do Pinto vai continuar aberta em 2012-2013

Escola Básica de Corte do Pinto vai continuar aberta em 2012-2013

A escola do primeiro ciclo do ensino básico de Corte do Pinto, no concelho de Mértola, que o Ministério da Educação previa fechar, vai continuar aberta, revelou o presidente do Município, Jorge Rosa.
"Fizemos ver ao Ministério da Educação que a escola de destino dos alunos não tinha condições para os receber, o que foi determinante", adiantou à Agência Lusa o autarca, eleito pelo PS.
De acordo com Jorge Rosa, inicialmente, a Direcção Regional de Educação do Alentejo propunha transferir os "17 ou 18 alunos" da escola de Corte do Pinto para a da Mina de São Domingos, situada na mesma freguesia.
Todavia, segundo o autarca, "todos os argumentos" utilizados pela autarquia "convenceram os responsáveis da educação, a nível nacional, a não encerrar a escola".
"O problema da escola da Mina de São Domingos é que precisa de obras nas casas de banho, não tem um refeitório em condições e as salas precisam de algumas intervenções", realçou.
Além disso, o presidente do Município indicou que os alunos que frequentam actualmente aquele estabelecimento escolar "são à conta para o espaço que existe".
Já a escola de Corte do Pinto, adiantou Jorge Rosa, é "antiga", mas "recebeu um investimento da autarquia", porque apresentava "várias deficiências, ao nível das casas de banho, da segurança do espaço e em portas e janelas".
Com o fecho, "era um investimento que se perdia ali e, assim, pelo menos, conseguimos mais um, dois ou três anos para o rentabilizar", acrescentou.
O autarca baixo-alentejano disse ainda ter explicado à tutela que "as condições familiares" dos alunos da escola do primeiro ciclo do ensino básico de Corte do Pinto "não existem noutras escolas do país", em que "os miúdos conseguem todos os dias ir almoçar com os pais".
O Ministério da Educação anunciou, a 23 de Julho, que vão fechar no próximo ano lectivo 239 escolas do primeiro ciclo do ensino básico no país, num processo que irá continuar em 2013.
No Alentejo, estava previsto o fecho de uma dezena de estabelecimentos, mas, além de Corte do Pinto, também a escola de Panóias, no concelho de Ourique, vai continuar a funcionar, segundo anunciou já o respectivo Município.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima