Distrito de Beja tem 31 edifícios com amianto

Distrito de Beja tem 31

São 31 os edifícios do Estado espalhados pelos 14 concelhos do distrito de Beja que ainda têm material contendo amianto, substância considerada perigosa para a saúde.
De acordo com a lista publicada pelo Governo no final da passada semana, dos 12944 edifícios públicos levantados, existe amianto, sobretudo em material de fibrocimento, em 2015 (apenas 16% do total), dos quais 31 se encontram no distrito de Beja.
O campus do Instituto Politécnico de Beja e a Escola Superior de Saúde de Beja são dois dos edifícios públicos identificados com material com amianto, assim como as escolas básicas 2,3 de Santiago Maior e Mário Beirão, ambas na capital de distrito.
Ainda no concelho de Beja, o Governo revela haver amianto no Centro Distrital da Segurança Social, na sede da Delegação Regional do Alentejo da Direcção Regional do Território (situada na avenida Vasco da Gama), no rés-do-chão do pólo do Laboratório Nacional de Energia e Geologia (na rua Dom Frei Amador Arrais), no quartel do Regimento de Infantaria 3 e na Herdade da Cabeça de Ferro, ambos propriedade do Exército Português.
As escolas secundárias de Castro Verde e Serpa também integram a lista dos edifícios com amianto, assim como as escolas básicas 2,3 Dr. João de Brito Camacho (Almodôvar), José Gomes Ferreira (Ferreira do Alentejo), Abade Correia da Serra (Serpa) e Eng. Manuel Rafael Amaro da Costa (São Teotónio).
As estas juntam-se ainda a Escola Profissional de Desenvolvimento Rural de Serpa, o Centro de Formação Profissional de Aljustrel e uma residência de estudantes em Almodôvar, situada na rua do Parque Infantil.
Na área da saúde os edifícios identificados são os das extensões de saúde de São Marcos da Atabueira e do Monte da Sete (ambos no concelho de Castro Verde), enquanto entre as forças de segurança existe a possibilidade de haver amianto nos quartéis da GNR em Almodôvar, Alvito, Castro Verde, Sabóia (concelho de Odemira), Pias (Serpa) e Safara (Moura), e na esquadra da PSP em Moura.
Finalmente, também os tribunais de Ourique e Serpa, o farol do Cabo Sardão e o Posto Experimental Agrícola da Fataca (ambos na freguesia de São Teotónio) ainda possuem material com amianto.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima