Discoteca de Castro vai passar a ser hotel

Discoteca de Castro

Depois de 24 anos de grandes festas e de muitas noites que entraram pelo dia dentro, a discoteca Santa Loucura, em Castro Verde, vai fechar portas no próximo sábado, 23 de Dezembro, e ser transformada numa unidade hoteleira. Obras que o proprietário José Manuel Canário pretende ver concretizadas até final do próximo ano.
“Gostava de ter isto pronto depois do Verão! Vai haver algumas alterações, mas espero ter o novo espaço aberto aberto o mais breve possível”, adianta ao “CA” o empresário de 46 anos, explicando que o projecto visa dar, por um lado, “uma nova vida” a um espaço que já só funciona esporadicamente e, por outro lado, responder a uma necessidade sentida em Castro Verde.
“Existe uma procura de espaço e alojamento em Castro Verde por pessoas que vêm para aqui trabalhar. Assim, vamos transformar o lado da Santa Loucura num hotel. E o lado do S Club, com aquela exuberância, ficará como espaço multiusos para eventos, casamentos, jantares, até para uma noite ou outra noite de discoteca”, explica.
O projecto ainda está na fase de concepção arquitectónica e implica a construção de um segundo piso no edifício da antiga discoteca. Por isso mesmo, José Manuel Canário não consiga precisar qual será a capacidade de alojamento da futura unidade.
“A ideia é fazer um aparthotel, com apartamentos e quartos. Parece-me que é a procura que existe e dá para várias utilizações”, justifica. “Além do mais, o turismo de passagem é muito no fim-de-semana e eu quero uma procura mais constante”, acrescenta.
Quanto ao investimento, José Manuel Canário afiança que “as contas ainda não estão feitas”. “Mas vai ser sempre um investimento avultado”, admite.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima