Vítimas mortais de colisão no IC1 perto de Castro Verde transportadas para Beja

Vítimas mortais de colisão no IC1 perto de Castro Verde transportadas para Beja

Os cinco homens que morreram esta sexta-feira, 24, numa colisão no Itinerário Complementar 1 (IC1), no concelho de Castro Verde, já foram transportados para os serviços de Medicina Legal do Hospital de Beja, revelaram os bombeiros.
As vítimas mortais, disse à Agência Lusa o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Beja, eram todas ocupantes da viatura ligeira de passageiros envolvida no acidente e que colidiu com um pesado de mercadorias.
Contactada pela Lusa, fonte do Comando Territorial de Beja da GNR já tinha revelado que as vítimas mortais eram “cinco homens”, com idades “entre os 20 e os 30 anos”.
Quanto ao motorista da viatura pesada, adiantou o CDOS, “não sofreu ferimentos ou danos físicos” em resultado ao acidente, mas “está a receber apoio psicológico por parte do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM)”.
A colisão entre o ligeiro de passageiros e o pesado de mercadorias aconteceu, pouco depois das 11h00, ao quilómetro 659 do IC1, “na zona do cruzamento da Estação de Ourique, no concelho de Castro Verde”, segundo o CDOS.
“O veículo ligeiro de passageiros é que colidiu com o pesado de mercadorias”, disse a fonte dos bombeiros.
As causas do acidente “ainda estão a ser apuradas” pela GNR, que está a realizar investigações no local, onde estiveram 21 bombeiros, apoiados por oito viaturas, das corporações de Castro Verde e Ourique.
Vários meios do INEM também foram mobilizados, mais precisamente um helicóptero, uma ambulância de Suporte Imediato de Vida e “outro veículo com pessoal para o apoio psicológico” ao motorista do pesado, resumiu o CDOS.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima