Vito Carioca quer reforçar qualidade do Politécnico de Beja

Vito Carioca quer reforçar

Qualidade – é esta a “palavra-chave” para o novo mandato de Vito Carioca, que esta segunda-feira, 20, tomou posse como presidente do Instituto Politécnico de Beja.
Reeleito no início de mês de Abril, o docente vai continuar a comandar os destinos da instituição de ensino até 2017 e pretende que esta continue no caminho da qualidade e diversificação, “reforçando a sua internacionalização”.
“Temos de ser bons e excelentes em muitas áreas. Se tivermos qualidade, temos alunos”, diz Vito Carioca, que promete igualmente um ajustamento da oferta formativa do IPBeja “às novas realidades e às novas emergências do Alentejo”.
“Temos de ajustar rapidamente a oferta para manter este nível de 3.000 alunos”, justifica.
Outra das prioridades do reeleito presidente do IPBeja é a dinâmica social da instituição.
“O meu programa vai nesse sentido, sendo fortemente virado para as questões das dinâmicas sociais”, conclui.
Entre as metas de Vito Carioca estão igualmente a intenção de aumentar a mobilidade internacional de colaboradores não docentes, docentes e estudantes do IPBeja, reforçar a cooperação ibérica, afirmar o instituto enquanto “interlocutor” junto dos países de língua portuguesa e estudar a viabilidade de instalação de um centro de cooperação em Moçambique.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima