Vereadores do PS querem auditoria externa na CM Beja

Vereadores do PS querem

Os vereadores do PS na Câmara de Beja propuseram ao actual executivo da CDU, liderado por João Rocha, a realização de uma auditoria externa às contas da autarquia.
Esta “será com certeza a melhor forma de esclarecer os munícipes, acabar com todas as dúvidas e ver reposta a verdade dos números da autarquia”, vincam os eleitos socialistas em comunicado enviado ao “CA”, voltando a garantir que o anterior executivo do PS conseguiu reduzir a dívida da Câmara de Beja “em mais de 11 milhões de euros” em “pouco menos de quatro anos”.
A proposta dos vereadores do PS surgiu depois de uma “análise objectiva” da informação publicada pelo executivo CDU no sítio oficial da Câmara de Beja na Internet, que, argumentam, está repleta “de falhas técnicas e erros grosseiros”.
“Com a confusão gerada entre datas, metodologias e conceitos técnicos, os valores são um logro, traduzindo-se num ‘passivo’ muito empolado, acrescido em mais de cinco milhões de euros”, afirma o comunicado dos vereadores do PS, acrescentando que “para além de diversos dados incompletos ou incorrectos e verbas não gastas a estornar, foram detectados e comprovados exemplos de duplicação de alguns valores”.
A “inédita” contabilização de vencimentos como dívida e a “errada inclusão” de importâncias a pagar ao longo de vários meses ou anos ou de despesas correntes de consumos/ fornecimentos futuros para funcionamento ainda não realizados são outros dos erros apontados pelo PS às contas apresentadas pela Câmara de Beja.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima