Trabalhadores da Segurança Social de Beja protestaram

Trabalhadores da Segurança

Cerca de uma centena de funcionários da Segurança Social de Beja participaram esta quarta-feira, dia 19, num “cordão humano” junto ao edifício do Centro Distrital.
A iniciativa realizou-se um pouco por todo o país e serviu para os trabalhadores da Segurança Social protestarem contra o processo de requalificação de pessoal em marcha nesta instituição e que em Beja deve afectar 12 funcionários.
“Esta é uma situação revoltante”, disse aos jornalistas Helena Trigo, porta-voz dos funcionários da Segurança Social de Beja, acrescentando temer que a medida do Governo possa “ser alargada a outros profissionais”.
Entretanto, o presidente da Federação do Baixo Alentejo do PS já veio a público afirmar ser “vergonhoso” a passagem para requalificação de 697 trabalhadores do Instituto de Segurança Social em todo o país.
“Este processo vai conduzir ao despedimento dos trabalhadores da Segurança Social”, sublinhou Pedro do Carmo em declarações à Rádio Pax (Beja).

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima