Serpa celebra 500 anos de foral

Serpa celebra

A Câmara de Serpa promove esta sexta-feira, 25, um colóquio com historiadores e outros especialistas para assinalar os 500 anos da atribuição do Foral Manuelino.
O colóquio “Nos 500 Anos do Foral Manuelino de Serpa”, organizado com o apoio do Instituto Prometheus, de Lisboa, vai decorrer a partir das 10h00 na casa do Cante.
“D. Manuel I, um rei reformista”, pelo historiador João Paulo Oliveira e Costa, “Os forais. Modos de fazer e estruturar”, pelo responsável do Arquivo Nacional da Torre do Tombo, Silvestre Lacerda, e “Conservação e restauro do foral de Serpa”, por Maria Helena Nunes, são as comunicações previstas para o período da manhã.
Seguem-se, à tarde, as comunicações “Ligados pelo foral: o concelho de Serpa e o reino de Portugal”, pela historiadora Manuela Santos Silva, “Uma leitura do sistema defensivo da vila de Serpa no tempo de D. Manuel I”, pela arqueóloga Ana Sofia Antunes, e “Notas preliminares à arquitectura religiosa do século XVI em Serpa”, pela historiadora da arte Ana Pagará.
Ao longo deste ano, a autarquia já assinalou a efeméride com o restauro do único exemplar conhecido do Foral Manuelino de Serpa, a publicação fac-similada e comentada do foral em livro, a edição de um selo, teatro, uma sessão pública e uma exposição.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima