PSD defende revisão do planeamento no Alentejo Litoral

O grupo parlamentar do PSD apresentou na Assembleia da República um projeto de resolução que defende “uma nova geração de instrumentos de planeamento”, por forma a “assegurar a sustentabilidade do Litoral Alentejano”.

Segundo os sociais-democratas, a região “enfrenta um conjunto de pressões que colocam em causa o seu desenvolvimento sustentável”, considerando existir “um défice de planeamento, que tem estado na base do agravamento de diversos problemas ambientais e sociais”.

“Se não se agir com rapidez há o risco de destruição dos valores naturais e de descaracterização deste território, devido à intensificação de atividades agrícolas, turísticas e industriais”, afiança o PSD.

Nesse sentido, os deputados “laranja” propõem, no projeto de resolução apresentado, a “revisão urgente” do Programa Regional de Ordenamento do Território do Alentejo (PROT), “de modo a atualizar o quadro estratégico e o modelo territorial que deverá dar resposta aos novos desafios de desenvolvimento”.

O PSD defende ainda que seja acelerada “a elaboração do Programa da Orla Costeira POC Espichel-Odeceixe” e concluída “a elaboração do Programa Especial do Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina”.

No projeto de resolução é igualmente proposto “a elaboração do Programa Especial da Albufeira de Santa Clara”, uma vez que o plano atual vigora desde 2007 e “carece de atualização face aos novos desafios ligados com a exploração mais intensiva de recursos hídricos”.

O PSD pretende ainda que seja preparado “um plano de contingência para a gestão de recursos hídricos na Albufeira de Santa Clara e Perímetro de Rega do Mira face ao agravamento da situação de escassez”.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima