PS de Mértola refuta críticas da CDU

PS de Mértola refuta críticas da CDU

“Desacreditada, sem rumo, sem ideias, sem iniciativa” – é desta forma que o PS de Mértola caracteriza a CDU no concelho, refutando as críticas que a oposição comunista fez recentemente ao trabalho dos socialistas na gestão autárquica local.
Em comunicado enviado ao “CA”, a Concelhia do PS faz um balanço positivo do trabalho desenvolvido pelos eleitos socialistas no concelho, sublinhando que se não fossem os autarcas do PS “as populações viveriam muito pior e nem tinham as condições de vida que hoje têm”.
“Desde inúmeras intervenções na infra-estruturação do concelho aos apoios na área social, na procura de soluções e investimentos, áreas sempre esquecidas pela CDU quando poder neste concelho, até à valorização e promoção turísticas, à resolução de problemas com décadas em diversas áreas, enorme tem sido o trabalho e o empenho dos nossos autarcas. […] Perante isto, afirmamos com convicção, Mértola está muito melhor com o PS”, nota o comunicado.
Os socialistas rejeitam ainda a ideia de terem contribuído para a perda de população do concelho, lembrando que esta é “muito diferente do que aconteceu nos tempos já idos da CDU”, devendo-se “apenas aos falecimentos, ordem natural da vida”.
“O concelho de Mértola é dos poucos do interior que, apesar da crise dos últimos anos, mais investimento atraiu e é a autarquia mais premiada pelo seu trabalho na área social, na área da museologia e na área do turismo, sendo estes os factos que contribuem para suster a população e que assustam a CDU, sem ideias e sem lideranças”, acrescenta o PS.
Considerando que a CDU de Mértola “está desacreditada, sem rumo, sem ideias e sem iniciativa”, os socialistas terminam o comunicado lembrando “que o concelho tem dado um salto qualitativo muito grande com a gestão do PS”.
E acrescentam: “O empenho e dedicação destes eleitos é fantástica, o que nos levará a todos a uma vitória expressiva, com um aumento grande da diferença para os nossos opositores, continuando o PS, a bem das populações, a gerir o concelho e as freguesias”.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima