PS de Beja critica CDU na Assembleia Municipal e pede demissão de José Rosa Soeiro

PS de Beja critica CDU na Assembleia Municipal e pede demissão de José Rosa Soeiro

O PS de Beja tece fortes críticas aos eleitos da CDU na Assembleia Municipal, lamentando o facto destes terem, na passada semana, reprovado a atribuição de medalhas de mérito municipal ao médico Rui Sousa Santos (a título póstumo) e à livraria-papelaria Estudantina.
“Este facto voltou a comprovar a postura negativa e sectária pela qual os eleitos pela CDU se têm pautado ao longo deste mandato, colocando sempre os interesses partidários acima dos interesses reais da população”, frisam os socialistas em comunicado, considerando mesmo que se assim se confirmou a “postura de má-fé por parte da CDU em todo o processo” de atribuição das medalhas municipais, reiterando “opções que nada dignificam a cidade, o concelho e as suas gentes”.
À margem destas críticas, o PS bejense pede ainda a demissão do actual presidente da Assembleia Municipal da Vidigueira, José Rosa Soeiro, depois do “episódio” que marcou o final da última reunião da Assembleia Distrital de Beja.
“A concelhia de Beja do PS entende que esse mesmo responsável [Soeiro], após tornado público o incidente, deveria ter pedido a demissão do cargo que ocupa, relembrando que a força política a que pertence tem exigido a nível nacional atitude semelhante para casos de menor gravidade”, vinca o PS em comunicando, lamentando igualmente a postura “de constante lançamento de ruído sem fundamento, suspeições e calúnias numa tentativa orquestrada de ataque puro e simples” à Câmara de Beja.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima