Presidente da CVRA garante que vinhos da região de Beja “têm prestígio”

Presidente da CVRA garante que vinhos da região de Beja “têm prestígio”

A região de Beja pode não ter uma Denominação de Origem Controlada (DOC), mas os vinhos produzidos na zona são de grande qualidade e já granjearam enorme prestígio a nível nacional, reconhece a presidente da Comissão Vitivinícola Regional Alentejana (CVRA).
Os produtores de vinho da região de Beja “têm forma de trabalhar e sempre trabalharam dessa forma. Fazem vinho regional alentejano – não lhe podem chamar DOC Alentejo como pretenderiam e gostariam –, mas têm marcas que se sobrepõem a essa situação e estão a vender muito bem”, afiança ao “CA” Dora Simões.
A presidente da CVRA acrescenta ainda que em Beja não surgiu uma DOC porque “não havia assim tanta produção” na zona na altura, mas que tal não tem impedido a região de estar “a vender cada vez mais”, ter “prestígio” e ganhar “muitos prémios”.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima