Presidente da AICEP convicto do potencial do projecto do Alqueva

Presidente da AICEP convicto do potencial do projecto do Alqueva

O presidente da Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP) afirmou-se esta terça-feira, 24, convicto do "potencial" do projecto Alqueva para captar investimentos e aumentar a produção e as exportações de produtos agrícolas e agro-industriais.
O projecto Alqueva, um dos "centros nevrálgicos da economia portuguesa", tem "potencial" para contribuir para a captação de investimentos, nomeadamente nos sectores agrícola e agro-industrial, disse à Agência Lusa Pedro Reis.
"Estou convencido de que o Alqueva vai permitir aumentar a produção e as exportações" de produtos agrícolas e agro-industriais nacionais e contribuir para a internacionalização de empresas portuguesas, frisou Pedro Reis, após ter visitado a Empresa de Desenvolvimento e Infraestruturas do Alqueva (EDIA), em Beja.
Segundo o responsável, as explorações agrícolas e unidades agro-industriais da área do Alqueva, que "podem ser agregadas em termos associativos", mais ou menos formais, para "ganhar escala", "podem ser activadas para fornecer mercados internacionais".
Por outro lado, frisou, "podem ter interesse para investidores externos", que queiram ter unidades de produção agrícola ou agro-industrial em Portugal ou abastecer-se de produtos produzidos por explorações e agro-indústrias locais.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima