Pratos de caça promovem Marvão como destino turístico

Pratos de caça promovem

Doze restaurantes da histórica vila de Marvão, no Alto Alentejo, vão participar numa quinzena gastronómica dedicada aos pratos de caça, com o objectivo de promover o concelho como destino turístico.
Num concelho situado no Parque Natural da Serra de São Mamede e com forte actividade cinegética, onde existem quatro associações de caçadores, a diversidade de pratos de caça é ampla.
“Marvão é, provavelmente, um dos melhores sítios para a prática da caça grossa em Portugal e, por isso, faz todo o sentido realizar este evento”, explica à Agência Lusa o vereador do Município José Manuel Pires.
A quinzena gastronómica, que arranca este sábado, 21, e vai decorrer até ao dia 5 de Janeiro, servirá para mostrar aos turistas que visitam Marvão, nesta altura do ano, que a actividade da caça “tem muita importância” no concelho.
“A época de férias de Natal é uma óptima altura para mostrar aos visitantes portugueses e espanhóis os pratos de caça da região. Esta é mais uma desculpa e um atractivo para que visitem Marvão”, acrescenta o autarca.
A Quinzena Gastronómica da Caça pretende promover Marvão, no distrito de Portalegre, enquanto destino gastronómico de “excelência” e, ao mesmo tempo, realçar a “qualidade” dos produtos endógenos.
Canja de perdiz, coelho bravo de cachafrito, javali, arroz de lebre, lombo de veado grelhado com esparregado e castanhas, arroz de pombo bravo, caçolinha de veado com setas e empada de perdiz com salada de agrião são algumas das iguarias que os restaurantes aderentes vão apresentar.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima