População de Grândola contesta falta de médicos no Centro de Saúde

População de Grândola contesta falta de médicos no Centro de Saúde

A população de Grândola juntou-se esta quarta-feira, 30, numa manifestação junto ao Centro de Saúde local, onde exigiu “mais e melhores condições” de saúde no concelho e o reforço da equipa médica.
“O povo” das cinco freguesias do concelho “saiu uma vez mais à rua para mostrar ao Ministério da Saúde que está farto de promessas não cumpridas e para exigir os cuidados de saúde a que tem direito”, vinca em comunicado a Câmara de Grândola, que promoveu a concentração/ manifestação em conjunto com as juntas de freguesia.
Durante o protesto, autarcas e população “manifestaram a sua vontade e determinação de prosseguirem a luta por uma melhor saúde para todos, exigindo ao Ministério da Saúde a sua intervenção imediata para o cumprimento da recomendação aprovada há um ano na Assembleia da República, alertando o Governo para o facto de a falta de soluções para os problemas com que a população se debate conduzir, inevitavelmente, à radicalização das medidas que irão ser tomadas em defesa dos interesses da população do concelho”.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima