Plataforma de apoio a Costa “neutra” nas eleições no PS do Baixo Alentejo

Plataforma de apoio a Costa “neutra”

A Plataforma do Baixo Alentejo de Apoio a António Costa nas primárias do PS decidiu adoptar “uma postura de neutralidade” nas eleições à presidência da Federação.
As eleições para a Federação do Baixo Alentejo do PS estão agendadas para 5 de Setembro, três semanas antes das primárias entre Costa e Seguro, a 28 de Setembro, e em comunicado a plataforma sublinha que se tratam de dois actos eleitorais “reveladores de toda a democraticidade interna” do partido.
Contudo, “a sobreposição das duas campanhas poderá não contribuir para um esclarecimento adequado de um processo” que se pretende “abrangente e clarificador”, argumenta a plataforma coordenada por Hélder Guerreiro, vice-presidente da Câmara de Odemira.
Nesse sentido, e por integrar apoiantes de ambas as candidaturas às eleições federativas, encabeçadas por Pedro do Carmo e Canudo Sena, a plataforma garante que vai restringir a sua actividade “ao processo de eleições primárias”.
“Deve haver um esforço de separação entre aquilo que será o processo de recenseamento de simpatizantes, campanha eleitoral e eleição das primárias no PS e todo o processo eleitoral federativo. É por estas razões que esta plataforma, na sua expressão colectiva, adopta uma posição de neutralidade relativamente a qualquer um dos candidatos a presidente da Federação do Baixo Alentejo do PS”, assume a plataforma, afiançando que “tudo fará para que o recenseamento, as campanhas eleitorais e respectivas votações não saiam prejudicados com este processo”.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima