PCP acusa PS de manter Hospital de Serpa privado

PCP acusa PS de manter

O PCP de Serpa acusa o PS de ser responsável por o Hospital de São Paulo, actualmente gerido pela Misericórdia local, não ter regressado ao SNS – Serviço Naconal de Saúde.
Em comunicado, os comunistas lembram que na passada sexta-feira, 15, foi votado um projecto de Lei da autoria do PCP, que determinava a reversão do Hospital de São Paulo à esfera pública, iniciativa legislativa que foi rejeitada com os votos contra do PSD e do CDS e a abstenção do PS.
“O PS absteve-se também num projecto apresentado no mesmo dia pelo PSD/CDS, que foram responsáveis pela privatização do hospital, propondo a manutenção da privatização destas unidades hospitalares, permitindo assim que tudo fique como estava, ou seja, privatizado”, acusa o PCP, que continua a contestar a entrega do hospital de Serpa “a uma entidade privada e o desmantelamento do SNS”.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima