Palácio de Justiça de Beja avança em 2017

Palácio de Justiça

As obras do novo Palácio de Justiça de Beja deverão arrancar em 2017 e segundo a ministra da Justiça irão resolver o “problema grave” de instalações dos serviços judiciais na cidade.
Francisca Van Dunem esteve esta quarta-feira, 1, em Beja, na cerimónia de assinatura do protocolo entre o Ministério e a Câmara Municipal, que vai permitir a construção do novo edifício na avenida Salgueiro Maia, nas traseiras do parque de campismo e em frente ao Parque de Feiras e Exposições.
De acordo com a ministra, a construção de um novo edifício para o Palácio de Justiça, que deverá estar concluído em três anos, foi a melhor solução para resolver um problema grave há muito sentido.
“Tentámos várias opções, até de outros edifícios públicos que pudessem ser utilizados para este efeito”, garantiu a ministra, adiantando que os edifícios públicos avaliados “não seriam adequados” para acolher as várias instâncias judiciais.
O novo Palácio de Justiça de Beja vai acolher todos os serviços da Comarca que actualmente estão espalhados por vários edifícios na cidade, assim como a Instância Central Secção de Família e Menores, que funciona em Ferreira do Alentejo desde 2014.
Esta última irá entretanto regressar a Beja, funcionando em instalações provisórias modulares num terreno anexo ao do futuro Palácio de Justiça.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima