Obras no IC1 entre Alcácer e Grândola sem data marcada

Obras no IC1 entre Alcácer

A Estradas de Portugal (EP) deverá voltar a assumir a responsabilidade da manutenção do IC1 entre Grândola e Alcácer do Sal, mas não avança qualquer data para realização das obras, que os utentes consideram urgentes.
A Comissão de Utentes do IC1 exige a reparação urgente daquele troço rodoviário face à ocorrência de diversos acidentes de viação, alguns com consequências graves, naquele troço rodoviário, alegadamente devido à falta de obras de conservação da estrada.
"A reversão [daquele troço rodoviário para a EP] será efectivada logo que se encontrem cumpridas as obrigações legais e contratuais previstas na lei, que incluem o acordo por parte do sindicato financeiro e a validação do Estado português e posteriormente do Tribunal de Contas", esclarece a empresa, em resposta a uma pergunta da Agência Lusa.
"Com a integração deste troço do IC1 na rede da EP, a empresa irá avaliar o tipo de intervenção de reabilitação a executar no âmbito dos planos de requalificação das vias sob gestão directa, devidamente fundamentados em critérios de segurança rodoviária e níveis de qualidade", acrescenta a EP.
A responsabilidade pela manutenção daquele troço rodoviário do IC1, entre Alcácer do Sal e Grândola, tinha sido atribuída à Subconcessão do Baixo Alentejo, que foi adjudicada em 2009 à SPER – Sociedade Portuguesa para a Construção e Exploração Rodoviária, S.A, pelo então Governo de José Sócrates.
A reversão da responsabilidade pela manutenção daquele troço do IC1 é uma das alterações previstas no acordo de renegociação alcançado no passado dia 21 de Maio, que contempla uma redução em 338 milhões de euros nos encargos do Estado no âmbito da Parceira Público-Privada (PPP) com a Subconcessão do Baixo Alentejo.
No dia 13 de Junho, a Comissão de Utentes organizou uma marcha lenta de automóveis, entre Alcácer do Sal e Grândola, para protestar contra as más condições daquele troço do IC1 e para exigir obras de melhoria naquela via, que contou com a participação de mais de 200 veículos.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima