Novo presidente da JS quer fazer trabalho de proximidade

Novo presidente da JS quer

O novo presidente da JS do Baixo Alentejo traça como grande objectivo para o seu mandato desenvolver um trabalho de proximidade com os militantes e os jovens da região.
“Queremos abrir a JS à comunidade, para nos conhecerem e poderem partilhar connosco as suas grandes preocupações”, revela ao “CA” Luís Martins, de 23 anos, que sucedeu a Rui Faustino na liderança da Juventude Socialista da região.
Manter uma “atitude vigilante e interventiva” relativamente ao que vai acontecendo na região e defender a “liberdade, igualdade e fraternidade” são outros dois objectivos definidos por Luís Martins para o período 2014-2015.
No plano interno, o novo líder da JS baixo-alentejana pretende “fomentar o espírito de união e de entreajuda” entre militantes.
“Unidos somos mais fortes”, justifica Luís Martins, que ambiciona igualmente “dar um forte apoio às concelhias” e promover “a realização de actividades inter-municipais”.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima