Museu Jorge Vieira (Beja) reabre após obras de requalificação

Museu Jorge Vieira (Beja) reabre após obras de requalificação

O Museu de Arte Contemporânea Jorge Vieira, em Beja, reabre este sábado, 11, após quase sete meses fechado para trabalhos de requalificação, num investimento de 20 mil euros, que permitiu "melhorar as condições" do edifício e conservar o espólio.
Os trabalhos de requalificação permitiram "reestruturar a funcionalidade" e "melhorar as condições para exposições" do museu, que tinha "grandes problemas de infiltrações e humidade" e, por isso, era de "difícil climatização", explica à Agência Lusa o vereador da Câmara de Beja Miguel Góis.
A reestruturação da funcionalidade do edifício, sobretudo a "intervenção de fundo" no primeiro andar, permitiu, além de outros arranjos, reparar portas, janelas e a rede eléctrica e estabilizar os níveis de temperatura, luz e humidade, acrescenta.
A intervenção incluiu também trabalhos de conservação preventiva do espólio de Jorge Vieira, que faleceu em 1998 e é considerado uma das referências da arte contemporânea portuguesa.
O museu reabre sábado, 11, às 16h00, com a exposição permanente de parte da colecção de Jorge Vieira, anteriormente patente no rés-do-chão, instalada no primeiro andar, que tem "melhores condições" de preservação das obras.
Na cerimónia de reabertura, o museu vai inaugurar uma exposição temporária de máscaras africanas da colecção privada de Jorge Vieira e que poderá ser apreciada até ao próximo dia 13 de Maio.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima