Municípios e empresas exigem “urgência” na criação do grupo de trabalho sobre o aeroporto de Beja

Municípios e empresas exigem “urgência”  na criação do grupo de trabalho sobre o aeroporto de Beja

As associações de municípios e de empresas do Baixo Alentejo e Alentejo Litoral exigiram esta terça-feira, 13, ao Governo "urgência" na criação do grupo de trabalho que irá definir soluções para o desenvolvimento do aeroporto de Beja.
A exigência surge numa posição conjunta sobre o aeroporto de Beja tomada pela Associação de Municípios do Baixo Alentejo e Alentejo Litoral (AMBAAL) e pela Associação Empresarial do Baixo Alentejo e Litoral (NERBE/AEBAL).
No documento, as associações "lamentam os atrasos na confirmação do compromisso assumido pelo secretário de Estado dos Transportes", Sérgio Monteiro, de criar, até final de 2011, "um grupo de trabalho para estudo e avaliação das oportunidades de aproveitamento e utilização do aeroporto de Beja".
As associações "reclamam urgência na designação do grupo de trabalho" e "reiteram" o seu interesse e a sua disponibilidade para "participarem, de forma empenhada e criativa, na apresentação de soluções para o cabal aproveitamento" do aeroporto de Beja.
No passado dia 19 de Dezembro de 2011, numa reunião em Beja com autarcas, deputados e agendes económicos do Baixo Alentejo, Sérgio Monteiro lançou o desafio de criar um grupo de trabalho para definir "soluções de consenso" para o desenvolvimento do aeroporto de Beja.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima