Movimento “Por Beja com todos” contesta extinção de freguesias

Movimento “Por Beja com todos” contesta extinção de freguesias

“Desadequado, gerador de conflitualidade e potencialmente desagregador” – é desta forma que o movimento “Por Beja com todos” define o processo de reorganização administrativa do território, que no caso do distrito deve implicar a extinção de 25 das actuais 100 juntas de freguesias.
Em comunicado enviado para a redacção do “CA”, os membros do movimento defendem que “que qualquer decisão que implique a criação, extinção, fusão e modificação territorial” das autarquias locais “deve ser objecto de ampla participação, quer dos órgãos das autarquias afectadas, quer sobretudo dos cidadãos”.
Nesse sentido, continua o documento, o movimento considera que o quadro da reorganização administrativa actualmente em aplicação “é claramente desadequado, gerador de conflitualidade e potencialmente desagregador”.
Apesar desta posição, os elementos do movimento admitem que os mapas de divisão administrativa não podem ser “estanques” e devem reflectir “a evolução dos tempos”, ainda que “quaisquer mudanças que se planeiem” tenham de “ser sentidas como úteis e necessárias pelas populações afectadas, preservando a coesão social”.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima