Misericórdia de Odemira abre novo lar em 2015

Misericórdia de Odemira

O novo lar de Terceira Idade da Santa Casa da Misericórdia de Odemira (SCMO) deve entrar em funcionamento até ao final do primeiro semestre do próximo ano de 2015.
A expectativa pertence ao provedor da instituição, que encara o novo equipamento como o “fim de um ciclo” e o “início de uma nova etapa” para a Misericórdia odemirense.
“Com o novo lar poderemos garantir uma melhor qualidade no serviço prestado aos idosos que estão no edifício antigo e vai ser uma lufada de ar fresco para os nosso funcionários e colaboradores”, afirma ao “CA” Francisco Ganhão, de 39 anos.
A construção do novo lar arrancou em 2013 e representa um investimento de 1,2 milhões de euros, comparticipado em 75% por fundos comunitários através do Programa Operacional Potencial Humano.
A Câmara de Odemira também concedeu um apoio financeiro de 250 mil euros à obra, sendo que a restante verba foi assegurada pela própria SCMO com recurso à banca.
Posteriormente, a Misericórdia de Odemira já gastou mais “100 mil euros em trabalhos extra e perto de 80 mil no mobiliário necessário para equipar o novo lar”, adianta Francisco Ganhão.
O novo equipamento tem 45 camas e irá “absorver” os utentes que estão no actual lar, mais antigo.
Para lá serão igualmente transferidos os 14 utentes em centro de dia e os serviços administrativos, libertando dois edifícios no centro da vila que poderão vir a ser alugados pela SCMO para o desenvolvimento de outras actividades.
Paralelamente, a Misericórdia de Odemira vai aproveitar parte do edifício do lar mais antigo para instalar a cozinha e a lavandaria que servirão o novo lar e a unidade de cuidados continuados.
Francisco Ganhão admite igualmente a possibilidade deste edifício vir a acolher no futuro uma unidade de dia e de promoção de autonomia, um espaço para crianças e jovens em risco e algumas camas de lar em regime privado.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima