Marcha lenta no IC1 entre Alcácer do Sal e Grândola

Marcha lenta no IC1

A recém-criada Comissão de Utentes do IC1 de Alcácer do Sal promove esta sexta-feira, 13 de Junho, uma marcha de protesto pelo estado do troço na Estrada Nacional (EN) 120, chamada de “estrada da morte”, entre Alcácer do Sal e Grândola.
A iniciativa conta com a colaboração da Comissão de Utentes do IC1 de Grândola, das câmaras e assembleias municipais de Alcácer do Sal e Grândola, e das juntas de freguesia dos dois concelhos.
Segundo adianta ao “CA” a Comissão de Utentes do IC1 de Alcácer do Sal, o protesto visa exigir o arranque imediato das obras de beneficiação da via, que se encontra num estado avançado de degradação e tem registado um significativo aumento de tráfego, especialmente de transportes pesados com ligação ao Algarve e aos portos de Sines e Setúbal.
“As comissões de utentes consideram que o estado de degradação visível a que chegou este troço do IC1 é um grave atentado aos interesses das populações residentes, que vêm a sua condição de vida afectada, quer no âmbito económico, social e, sobretudo, pela sua segurança e integridade física”, sublinha a Comissão de Utentes do IC1 de Alcácer do Sal.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima