JS de Castro acusa JCP de “vandalismo”

JS de Castro acusa

A Juventude Socialista de Castro Verde acusa a JCP de “atitude politicamente abusiva e com laivos de hipocrisia” por ter pintado um mural na parede do Fórum Municipal local, onde exige obras na Escola Secundária.
“Não podemos aceitar que, para dar voz a uma reivindicação que é de todos os castrenses, se vandalizem edifícios públicos (que não são de nenhum partido!) pintando de forma vergonhosa os símbolos do PCP”, afirma Tiago Mamede, líder dos jovens socialistas de Castro Verde.
Considerando “inadmissível” que JCP “utilize estes meios” para conseguir “a manipulação da opinião pública”, Tiago Mamede apela à Câmara Municipal de Castro Verde para que “se demarque” de actos que, segundo classifica, “em nada dignificam” o concelho de Castro Verde, alegando que o Fórum Municipal é “património de todos os castrenses”.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima