Ingleses podem investir na fábrica solar de Moura

Ingleses podem investir na fábrica solar de Moura

Uma empresa inglesa da área de produção de componentes na área da energia está interessada na MFS-Moura Fábrica Solar, que fechou recentemente, depois de contactos com o deputado do PS, Pedro do Carmo, e o presidente da Câmara de Moura, Álvaro Azedo.
Em declarações ao “CA”, Pedro do Carmo revela que, em conjunto com o autarca de Moura, procurou “encontrar eventuais interessados em retomar o funcionamento de um dos pilares da economia local e do emprego no concelho de Moura”.
Na sequência dos contactos estabelecidos, adianta, “está confirmado o interesse de uma empresa internacional de produção de componentes na área da energia para analisar as instalações da fábrica de Moura de painel solar, na perspectiva de poder instalar uma unidade de produção de sistemas de baterias em Moura”.
Pedro do Carmo acrescenta que a realização de uma reunião de trabalho dos ingleses com o presidente da Câmara Municipal e consigo, seguida de visita às instalações da fábrica, se realizará nos dias 7 ou 8 de Março.
“Continuamos apostados em trabalhar por soluções para o Baixo Alentejo e para os baixo-alentejanos”, conclui o deputado do PS eleito por Beja.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima