Infracções em fábrica de bagaço de azeitona

Infracções em fábrica

A GNR detectou diversas infracções durante uma acção fiscalização realizada no passado dia 12 de Janeiro a uma unidade fabril de extração de óleo de bagaço de azeitona e secagem de bagaço.
Fonte da Guarda adianta ao “CA” que a operação esteve a cargo de militares do Núcleo de Protecção Ambiental de Aljustrel em conjunto com a Agência Portuguesa do Ambiente e da CCDR do Alentejo, tendo por objectivo fiscalizar o licenciamento e a existência, ou não, de de infracções ambientais.
“Da acção resultou a elaboração de cinco autos de contra-ordenação por existência de lagoa sem protecção, abandono e injecção de resíduos no solo, falta de auto-controlo de emissões para a atmosfera, acções de condução ao perecimento e evidente depreciação de azinheiras e sobreiros, e operação de gestão de óleos usados em violação das normas estabelecidas”, revela a mesma fonte.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima