Infracções em fábrica de bagaço de azeitona

Infracções em fábrica

A GNR detectou diversas infracções durante uma acção fiscalização realizada no passado dia 12 de Janeiro a uma unidade fabril de extração de óleo de bagaço de azeitona e secagem de bagaço.
Fonte da Guarda adianta ao “CA” que a operação esteve a cargo de militares do Núcleo de Protecção Ambiental de Aljustrel em conjunto com a Agência Portuguesa do Ambiente e da CCDR do Alentejo, tendo por objectivo fiscalizar o licenciamento e a existência, ou não, de de infracções ambientais.
“Da acção resultou a elaboração de cinco autos de contra-ordenação por existência de lagoa sem protecção, abandono e injecção de resíduos no solo, falta de auto-controlo de emissões para a atmosfera, acções de condução ao perecimento e evidente depreciação de azinheiras e sobreiros, e operação de gestão de óleos usados em violação das normas estabelecidas”, revela a mesma fonte.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

DECO promove atendimento em Odemira

Esclarecer dúvidas sobre os direitos do consumidor em diversas áreas é o grande objetivo das sessões gratuitas de atendimento que a DECO – Associação Portuguesa

Role para cima