Governo admite cooperação com novo lar de Entradas

Governo admite cooperação

O Governo admite estabelecer novos acordos de cooperação com o Lar Frei Manoel das Entradas quando a nova unidade de internamento de idosos da instituição for concluída.
Em resposta a um requerimento apresentado a 2 de Abril pelo deputado do PS eleito por Beja, Luís Pita Ameixa, o gabinete do ministro da Solidariedade, Emprego e Segurança Social, Pedro Mota Soares, informa que, “à partida e pela previsão de que esta resposta social de destina a idosos carenciados da freguesia e do concelho, se justificará a celebração do acordo de cooperação”, desde que haja “cabimentação orçamental”.
No documento, o gabinete ministerial lembra ainda que o projecto do Lar Frei Manoel das Entradas já mereceu o assentimento da Segurança Social, uma vez que apesar de a cobertura do distrito nesta matéria ser “elevada”, “os indicadores de envelhecimento e o isolamento sócio-geográfico da população idosa da região continuam a evidenciar como necessárias respostas desta natureza”.
A construção do futuro lar de terceira idade desta freguesia do concelho de Castro Verde vai terminar ainda este ano e o equipamento terá capacidade para 41 utentes, que se juntarão aos 50 já servidos em apoio domiciliário e aos 15 em centro de dia.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima