GNR patrulha Câmara de Vidigueira devido a "alegadas" ameaças da comunidade cigana

GNR patrulha Câmara de Vidigueira devido a "alegadas" ameaças da comunidade cigana

A GNR está a patrulhar a Câmara da Vidigueira para proteger os funcionários e o edifício, devido a alegadas “ameaças” ao executivo feitas pela comunidade cigana que vive na vila, disse à Lusa o presidente do Município.
Por causa das ameaças, “a GNR tem disponibilizado, por vários períodos, uma patrulha para estar junto da Câmara, com o objectivo de assegurar a protecção do edifício e de todos os funcionários que lá trabalham e evitar problemas”, precisou Manuel Narra.
Desde o início do mês, quando a Câmara efectuou uma “operação de limpeza” nas traseiras das ruinas do castelo da vila, onde mora uma comunidade cigana, “os membros do executivo têm sido ameaçados por pessoas que vivem naquela zona”, explicou.
As ameaças “de todo o género, desde físicas até às de morte”, frisou, têm sido feitas através de “manifestações junto à Câmara” e também “a familiares de membros do executivo”, como a um filho do adjunto de Manuel Narra.
Segundo o autarca, “as autoridades têm conhecimento das ameaças”, que são dirigidas a “todo o executivo” e os funcionários que participarem na “operação de limpeza” também “teriam a sua integridade física em causa se não fosse a protecção da GNR”.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima