GNR fiscalizou explorações pecuárias

GNR fiscalizou

A GNR de Aljustrel, através do Núcleo de Protecção Ambiental, realizou esta sexta-feira, 16, uma operação de fiscalização a explorações pecuárias e transporte de animais.
Fonte da Guarda revela ao “CA” que a acção teve o objectivo de “detectar infracções relativas ao licenciamento das explorações, bem como a situações relativas ao bem-estar animal, quer nas explorações quer durante o transporte”.
Ao todo, continua a mesma fonte, “foram fiscalizadas quatro explorações, onde foram fiscalizados 200 bovinos, 17 suínos e 35 ovinos”, assim como três veículos de transporte de animais, “que transportavam um total de 15 bovinos, 23 suínos e 10 ovinos”.
“Da acção resultou a elaboração de três autos de notícia por contra-ordenação, um por falta de registo de exploração, outro por incorrecta identificação de bovinos, falta de comprovativo das últimas seis limpezas e desinfecções do veículo e por falta de condições de transporte, e finalmente um outro por falta de identificação de bovino com mais de 20 dias de nascido, tendo o mesmo abandonado a exploração onde nasceu sem a aposição das marcas auriculares”, acrescenta a GNR.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima