GNR detecta em Milfontes 18 estrangeiros ilegais

GNR detecta em Milfontes

O Destacamento de Acção Fiscal de Évora da GNR detectou 18 estrangeiros em situação ilegal em Vila Nova de Milfontes, no âmbito de uma acção de fiscalização realizada esta quinta-feira, 7.
Na acção, realizada em conjunto com a Delegação de Beja do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), foram identificados três cidadãos de nacionalidade brasileira, sete búlgaros e oito romenos.
“Estes 18 imigrantes têm, agora, de regularizar a respectiva situação junto dos serviços competentes”, disse à Agência Lusa o tenente-coronel Paulo Messias, do Destacamento de Acção Fiscal de Évora, pertencente à Unidade de Acção Fiscal da GNR.
A operação permitiu ainda às autoridades a detecção de 12 situações de arrendamento ilegal, em que não foi celebrado qualquer contrato.
Estes casos constituem contra-ordenações fiscais de Falta ou Atraso de Declarações e de Falta de Entrega de Prestação Tributária, ambas do Regime Geral das Infracções Tributárias.
A somar a isso, as autoridades detectaram ainda três contra-ordenações ao Regime de Bens em Circulação (RBC).
A acção de fiscalização em Vila Nova de Milfontes visou os ilícitos fiscais e aduaneiros.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima