Fábrica das Fortes investe 1,2 milhões para reabrir

Fábrica das Fortes investe

A empresa AZPO-Azeites de Portugal já investiu cerca de 1,2 milhões de euros na sua unidade industrial de Fortes, no concelho de Ferreira do Alentejo, no sentido de reabrir a tempo da nova campanha olivícola.
Segundo adiantou esta semana a administração da empresa (e como lhe conta a edição desta sexta-feira, 28, do “CA”), a AZPO avançou com a construção de um pavilhão para armazenar o bagaço em pó que resta do processo de secagem e extracção de óleo do bagaço líquido que a fábrica recebe dos lagares de azeite e que antes era armazenado a céu aberto.
A empresa instalou ainda uma chaminé de 40 metros de altura, no sentido de substituir as duas que existiam na fábrica e permitir uma "melhor dispersão" das respectivas emissões.
A par disto, a AZPO construiu igualmente um novo sistema de transporte interno de bagaço e substituiu o sistema de combustão.
Recorde-se que a fábrica da AZPO nas Fortes tem a laboração suspensa desde Junho por ordem do IAPMEI, sendo que os seus responsáveis esperam que tudo volte à normalidade em breve, estando previstas novas vistorias à unidade industrial já em Outubro.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima