Ex-autarca de Vidigueira julgado por dois crimes

Manuel Narra, que liderou a Câmara de Vidigueira entre 2005 e 2017 eleito pela CDU, vai ser julgado pela alegada prática de dois crimes quando exercia essas funções, um de peculato e outro de falsificação de documento.

Em causa estão o recebimento, por parte do ex-autarca, de 42.508,80 euros em ajudas de custo, nomeadamente deslocações, entre 2013 e 2017.

Segundo o Ministério Público, Narra terá recebido ajudas de custo por deslocações que declarou ter efetuado na sua viatura pessoal e não num veículo municipal, para uma habitação em nome dos filhos na Costa da Caparica, no concelho de Almada, que foi a sua morada fiscal entre novembro de 2013 e outubro de 2017.

Manuel Narra acabou por pedir a abertura da fase de instrução, mas o Tribunal de Cuba decidiu nesta quarta-feira, 20, pronunciá-lo por aqueles crimes.

Recorde-se que Manuel Narra voltou a ser candidato à Câmara de Vidigueira nas Autárquicas deste ano, por um movimento independente de cidadãos, tendo sido eleito vereador.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima