Cooperativa de Borba exporta 30% da produção de azeite

Cooperativa de Borba exporta

A Cooperativa de Olivicultores de Borba exporta 30% da produção de azeite engarrafado para os mercados do Brasil, Alemanha, Holanda, Singapura, França e Angola, revela à Agência Lusa o director-executivo.
Segundo Paulo Velhinho, a cooperativa, que produz azeite com Denominação de Origem Protegida (DOP), pretende, este ano, aumentar as exportações para os mercados onde já conquistou clientes, sobretudo para o Brasil, Alemanha e França.
A cooperativa iniciou este ano as exportações para Angola, embora em pequena quantidade, e pretende também começar a exportar para a Suíça.
Em 2013, a Cooperativa de Olivicultores de Borba, uma das principais do Alentejo, recebeu 2,1 milhões de quilos de azeitona, o que correspondeu a 310 mil litros de azeite, de acordo com o responsável.
Paulo Velhinho indica ainda que a cooperativa tem em fase de conclusão um projecto de investimento de 200 mil euros, com 30% de apoios comunitários, que envolve uma linha completa de engarrafamento, melhoria nas instalações, um armazém para azeite e uma pequena estação de tratamento de águas residuais (ETAR).
Fundada em 1951, a Cooperativa de Olivicultores de Borba, que produz a marca "Dom Borba", tem cerca de mil associados e abrange vários concelhos dos distritos de Évora e Portalegre.
O azeite "Dom Borba" já foi premiado com medalhas de ouro e ouro prestígio nos concursos Terra Olivo, em Jerusalém (Israel).

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima