Comissão de Agricultura aprova propostas do deputado do PSD

Comissão de Agricultura aprova

A Comissão Parlamentar de Agricultura e Mar aprovou a proposta de regulamento do deputado do PSD eleito por Beja relativa a medidas de proteção contra pragas de vegetais.
Aprovada por unanimidade, a proposta que teve Mário Simões como relator insere-se num pacote de revisões relacionadas com a fito-sanidade, a qualidade do material de reprodução vegetal, a saúde animal, os controlos oficiais dos vegetais, animais e alimentos para consumo humano e animal e as despesas da União Europeia para estas políticas.
“A presente iniciativa revê medidas de fito-sanidade da agricultura e silvicultura estabelecidas numa directiva anterior e estabelece um quadro normativo robusto transparente e sustentável”, vinca ao “CA” o deputado laranja, garantindo que outro dos objectivos é “adaptar o sistema de protecção de plantas contra pragas e doenças com perdas económicas que comprometem a rendibilidade e a competitividade da agricultura e da silvicultura no espaço europeu”.
De acordo com Mário Simões, no âmbito do regime fito-sanitário da União Europeia “é importante prevenir a entrada e a propagação de pragas alóctones, que provocam graves prejuízos económicos nos sistemas de produção agrícola e silvícola”.
Ao mesmo tempo, continua o eleito do PSD, “a proposta reforça as sinergias com o regime aplicável ao material de reprodução vegetal, removendo em simultâneo as duplicações evitáveis e os encargos desnecessários a elas associados”.
A proposta de Mário Simões defende ainda que “são da maior utilidade medidas que protejam os sistemas produtivos agrícolas e silvícolas de pragas importadas com consequências nefastas para a economia e especialmente para a biodiversidade dos eco-sistemas europeus”, sugerindo a adopção de um plano de acção “com reforço do respectivo programa de apoio financeiro”.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima