Câmara de Serpa quer discutir futuro do Hospital de São Paulo com ministro da Saúde

Câmara de Serpa quer discutir futuro do Hospital de São Paulo com ministro da Saúde

A Câmara de Serpa vai solicitar uma reunião com o Ministério da Saúde com o objectivo de esclarecer o Governo sobre a repercussão do estudo que recomenda o encerramento dos serviços de Urgência do Hospital de São Paulo.
Em comunicado, a autarquia revela que na reunião realizada a 1 de Agosto manifestou o seu "total desacordo" com as conclusões da Comissão de Reavaliação da Rede Nacional de Emergência e Urgência, que prevêem o encerramento de vários serviços de urgência, entre os quais o de Serpa.
"A autarquia considera que não estão a ser tidos em conta os interesses das populações que ficariam ainda mais desprotegidas e vulneráveis, numa região onde estão a ser encerrados progressivamente muitos dos serviços públicos fundamentais", sublinha o comunicado da edilidade serpense, que solicita agora uma reunião com "carácter de urgência" com as entidades responsáveis com o objectivo "de clarificar a situação e exigir que sejam tomadas em conta os interesses das populações, será a próxima medida a ser tomada".

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima