Câmara de Santiago do Cacém quer saber quando chegam mais médicos cubanos

Câmara de Santiago do Cacém quer saber quando chegam mais médicos cubanos

A Câmara de Santiago do Cacém reclamou esta terça-feira, 17, do Ministério da Saúde esclarecimentos sobre “a data exacta” da chegada a Portugal do novo contingente de médicos cubanos, pois, os colocados no concelho regressam a Cuba no final deste mês de Janeiro.
“Em Santiago do Cacém, estão, desde Agosto de 2009, quatro clínicos cubanos que terminam agora a sua comissão de serviço, regressando no final deste mês ao país de origem”, lembra a Câmara Municipal, em comunicado assinado pelo presidente, Vítor Proença.
No mesmo comunicado, a autarquia “reclama do Ministério da Saúde um esclarecimento sobre data exacta da chegada do novo contingente de médicos cubanos”.
Essa chegada dos novos clínicos oriundos de Cuba, afiança o Município, estava prevista “para o dia hoje” [terça-feira, 17] ou para a última segunda-feira, 16.
Recorde-se que o ministro da Saúde, Paulo Macedo, anunciou, na segunda-feira, a renovação de contrato dos médicos cubanos a trabalhar em Portugal, salientando a necessidade de auto-suficiência no futuro e acções do Ministério "para captar mais médicos" para o Serviço Nacional de Saúde (SNS).
Os primeiros clínicos cubanos, cujos contratos terminam no final deste mês, chegaram a Portugal a 08 de Agosto de 2009, no âmbito de um contrato entre os governos de Portugal e de Cuba, para prestar cuidados médicos no Alentejo, Algarve e Ribatejo.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima