CM Beja: Novo presidente quer auditoria às contas

CM Beja: Novo presidente quer auditoria às contas

Paulo Arsénio vai tomar posse como presidente da Câmara de Beja na próxima quarta-feira, 18, tornando-se no segundo socialista a liderar os destinos da autarquia da capital de distrito. E assim que entrar em funções, uma das primeiras decisões será pedir uma auditoria às contas do Município. “Muito provavelmente iremos pedir uma auditoria às contas da Câmara Municipal, não por uma atitude de desconfiança para quem esteve lá antes mas para conhecermos exactamente qual é a nossa base de partida e aquilo que podemos fazer ao longo do mandato”, anuncia Paulo Arsénio em declarações ao “CA”.
Pela frente o autarca do PS tem um mandato de quatro anos, em que a grande aposta passa por “recuperar, valorizar e promover Beja”. Nesse sentido, e a par da Educação e da internacionalização da “marca Beja”, o Desenvolvimento Económico será uma das prioridades no trabalho do novo executivo municipal.
“Sabemos que é uma tarefa muito difícil, porque todos os concelhos do país ambicionam a anseiam o mesmo que nós”, diz Paulo Arsénio, elencando aquelas que serão as três principais medidas a tomar nesta matéria: profissionalizar o Gabinete do Empresário na autarquia; criar o Fundo Municipal de Apoio ao Investimento para micro, pequenas e médias empresas que se queiram instalar no concelho; e avançar com uma bolsa de terrenos, pública e privada, para novos investimentos empresariais.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima