CM Aljustrel apresenta contributos para Plano de Recuperação Económica

CM Aljustrel apresenta contributos

A Câmara de Aljustrel já entregou os seus contributos para o Plano de Acção no âmbito da estratégia para o Plano de Recuperação Económica de Portugal (PREP) 2020-2030, delineado por António Costa da Silva a pedido do Governo.
No âmbito da audição pública que está a decorrer relativamente ao PREP 2020-2030, a autarquia mineira defendeu a construção da variante de Aljustrel, uma vez que “já recebeu a informação de que o Estudo Preliminar já foi aprovado pela Infra-estruturas de Portugal e porque esta obra já se encontra inscrita no Programa Nacional de Investimentos (PNI)”.
“Entende, por isso, a Câmara de Aljustrel, que seria também importante que esta obra fosse integrada neste Plano de Acção”, sublinha a edilidade em comunicado enviado ao “CA”.
No mesmo documento, o Município revela que “gostaria, ainda, de ver inscritas no âmbito do PREP 2020-2030 as áreas empresariais previstas para o concelho de Aljustrel”, nomeadamente os projectos das áreas de acolhimento empresarial de São João de Negrilhos e Ervidel, o Centro de Negócios de Aljustrel e a expansão da Área de Acolhimento Empresarial de Aljustrel.
“Estas são intervenções que já estão aprovadas no âmbito do Alentejo 2020, encontrando-se as mesmas em execução ou a aguardarem o início do procedimento contratual. Importa, contudo, referir que em qualquer uma delas seria importante a beneficiação dos respectivos acessos rodoviários”, observa a autarquia, para quem “será determinante para a melhoria de condições para as empresas, mas também, pela centralidade geográfica que Aljustrel apresenta, para a atracção de novos negócios e de investimentos, que beneficiarão este concelho, mas também a região em que se insere, potenciando novos postos de trabalho e novas oportunidades”.
Na audição pública do PREP 2020-2030 a Câmara de Aljustrel identificou ainda as infra-estruturas de apoio e de acolhimento para empresas nascentes em Rio de Moinhos e no Carregueiro, o Parque de Investigação, Tecnologia e Desenvolvimento de Aljustrel/Centro de Transferência de Conhecimento e Tecnologia (a localizar a sul da zona denominada por +25), o Parque Empresarial e Logístico da Mancoca (de iniciativa privada) e o Centro Tecnológico e Agro-alimentar.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima