Cidade de Beja recebe rastreio do aneurisma da aorta abdominal

Cidade de Beja recebe rastreio do aneurisma da aorta abdominal

A cidade de Beja recebe esta sexta-feira, 2, a unidade móvel do projecto de rastreio do aneurisma da aorta abdominal da Sociedade Portuguesa de Angiologia e Cirurgia Vascular (SPACV).
Segundo os promotores, o projecto, iniciado em Junho de 2011 e que já passou por 12 capitais de distrito do país, rastreou, no total, mais de mil portugueses.
O aneurisma da aorta abdominal é uma das causas de morte súbita em Portugal, indica a SPACV.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima