CDU acusa Pulido Valente de “esconder gestão” da CM Beja

CDU acusa Pulido Valente

Os vereadores da CDU acusam o presidente da Câmara Municipal de Beja, o socialista Jorge Pulido Valente, de esconder dados sobre a gestão financeira da autarquia.
Em comunicado, os eleitos comunistas revelam que o autarca bejense “continua a não querer fornecer dados sobre endividamento da Câmara”, sobre a “utilização desde há três anos de verbas destinadas ao pagamento das indemnizações aos proprietários para alargamento da estrada de acesso ao aeroporto”, sobre “o incumprimento do plano de pagamentos à empresa Coutinho SA”, assim como sobre “a utilização de verbas de operações de tesouraria em depósitos a prazo a favor do Município”.
De acordo com os vereadores da CDU, estas informações deveriam ter sido disponibilizadas na reunião de Câmara do passado dia 4 de Setembro, o que não aconteceu, sendo que esta segunda-feira, 9, em nova reunião do executivo, Pulido Valente disse que “todas as informações solicitadas no período antes da ordem do dia passarão a ser fornecidas oportunamente”.
Tudo isto leva a CDU a afirmar que “Pulido Valente e a maioria PS, tendo ao longo do mandato falseado de forma recorrente dados sobre o endividamento da Câmara, procuram agora que, um conjunto de dados objectivos que confirmam essa prática, não venham a público antes das eleições autárquicas”.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima