Carlos Moedas nomeado secretário de Estado adjunto de Passos Coelho

Carlos Moedas nomeado secretário de Estado adjunto de Passos Coelho

Tal como muitos previam, o bejense Carlos Moedas, eleito deputado pelo PSD em Beja nas legislativas de 5 de Junho, vai mesmo integrar o novo governo PSD-CDS liderado por Pedro Passos Coelho.
O engenheiro com uma pós-graduação em gestão (MBA) vai ser o novo secretário de Estado adjunto do primeiro-ministro, com quem vai trabalhar directamente, depois de ter sido um dos principais protagonistas nas negociações com a <i>troika</i> pelo PSD e de ter ganho influência política na elaboração do programa eleitoral do partido.
Coordenador do sector económico do Gabinete de Estudos do PSD, Carlos Moedas foi cabeça-de-lista por Beja nas últimas legislativas, tendo sido eleito, passando o PSD a ter um deputado por aquele distrito pela primeira vez desde 1995.
Moedas fez ainda parte da equipa social-democrata que negociou a aprovação do Orçamento do Estado para 2011 juntamente com Eduardo Catroga e no seu percurso profissional destaque para o facto de ter integrado a equipa do banco de investimento Goldman Sachs – na mesma altura em que António Borges trabalhou na instituição -, na área de fusões e aquisições, e foi gestor de projectos para o grupo Suez, em França, entre 1993 e 1998.
Trabalhou igualmente no Eurohypo Investment Bank e dirigiu a consultora imobiliária Aguirre Newman quando regressou a Portugal, em Agosto de 2004, onde foi administrador-delegado até Novembro de 2008, altura em que criou a empresa de gestão de investimentos Crimson Investment Management.
Com 40 anos, nascido em Beja, Carlos Moedas licenciou-se em Engenharia Civil pelo Instituto Superior Técnico, em 1993, e fez um MBA pela Harvard Business School.
A sua nomeação para o governo de Passos Coelho foi revelada esta sexta-feira, 17, ao final da tarde, juntamente com todo o restante elenco misterial.
O lugar que estava destinado a Carlos Moedas na Assembleia da República será ocupado pelo número dois da candidatura e actual líder da Distrital laranja de Beja, Mário Simões.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima