Cão que matou criança em Beja entregue à Animal

Cão que matou criança

O Tribunal Administrativo e Fiscal de Beja decidiu entregar provisoriamente à Associação Animal o cão que matou, no início do mês de Janeiro, um bebé de apenas 18 meses.
De acordo com a TSF, o cão, arraçado de pitbull, estava preso há sete meses num canil, tendo a Associação Animal interposto uma providência cautelar onde se contestava o facto de este animal estar preso.
Nesse sentido, Rita Silva, dirigente da Associação Animal, ficou muito satisfeita com esta decisão do Tribunal, considerando que o cão vai agora ser devidamente tratado assim que ele for retirado do canil.
Em declarações à TSF, esta responsável da Associação Animal indica igualmente que o cão será trazido para um hospital veterinário para que lhe seja feito um “check up completo”, seguindo depois para um “especialista em recuperação de animais agressores ou animais com comportamentos problemáticos”.
“Ele vai ser avaliado e depois vai começar um trabalho de recuperação e de sociabilização”, acrescenta Rita Silva, indicando que o nome do cão será mudado de Zico para Mandela.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima