Campos de ensaio da AACB apresentam resultado positivo

Campos de ensaio da AACB

Os campos de ensaio e demonstração da Associação de Agricultores do Campo Branco (AACB) surgiram há cerca de cinco anos e têm na equipa coordenadora os agricultores António Francisco Colaço e Fernando Rosa, a que se junta Manuel Patanita e José Dores, da Escola Superior Agrária de Beja.
“O balanço é muito positivo e temos conseguido cumprir os objectivos a que nos propusemos. Temos estado a experimentar em culturas anuais de cereais, culturas forrageiras e pastagens e o resultado tem sido, em geral, bastante bom”, observa ao “CA” com satisfação António Francisco Colaço.
De acordo com este agricultor, o trabalho desenvolvido nos campos de ensaio e demonstração visa alcançar “o máximo de eficiência” na lavoura, sendo que alguns dos resultados alcançados têm sido surpreendentes. “Por exemplo, o trabalho com as culturas forrageiras é muito interessante, não só porque aquelas co-associações de culturas que temos feito fazem aumentar a quantidade de forragem por hectare como fazem também aumentar a qualidade da forragem, o que também é importante”, explica António Francisco Colaço.
Todos os resultados obtidos pelos campos de ensaio e demonstração são revelados nos Dias de Campo, estando igualmente disponíveis a todos os agricultores através da AACB. Um trabalho que é para continuar no futuro, sobretudo numa altura em que as alterações climáticas são cada vez mais uma evidência.
“As alterações climáticas estão aí, todos os dias, e temos de nos tentar adaptar a elas. E essa adaptação passa por tentarmos fazer espécies e variedades adaptadas e ser o mais eficiente possível naquilo que fazemos e em relação aos factores de produção que temos em mãos”, argumenta António Francisco Colaço.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima