Câmara de Sousel vai apostar na fileira da carne

Câmara de Sousel vai

O presidente da Câmara de Sousel, Armando Varela, anunciou que a autarquia vai apostar na “valorização” da fileira da carne e “dinamizar” o Matadouro Regional do Alto Alentejo, principal entidade empregadora privada daquele concelho norte-alentejano.
“Nós estamos a desenvolver um trabalho ao nível da fileira da carne, procurando entender de que forma é que nós podemos criar condições para dinamizar o sector”, disse o autarca, em declarações à Agência Lusa.
Para isso, explicou, "estamos a envolver os produtores, o matadouro e a indústria de transformação, enquanto sector de actividade muito importante para Sousel, em termos de postos de trabalho directos e indirectos”.
O Matadouro Regional do Alto Alentejo, instalado em Sousel, no distrito de Portalegre, foi criado em 1989 e privatizado em 2006, tendo como principais accionistas três empresas de Sousel e de Estremoz, pertencendo ao Município uma quota de 8,5%.
Esta empresa é a principal entidade empregadora privada do concelho de Sousel, gerando actualmente cerca de 100 postos de trabalho.
Reconhecendo que o matadouro “luta com as dificuldades que hoje em dia se debatem as empresas portuguesas”, o autarca diz-se “apostado em dinamizar” a empresa e toda a fileira da carne na região.
“Não podemos desistir, não podemos baixar os braços e estamos aqui apostados em dinamizar este sector, que é uma das mais-valias que temos no território e importante fonte geradora de postos de trabalho”, referiu.
Armando Varela defendeu a necessidade de ser criada uma "certificação para todos os produtos que são transformados", a partir da carne de animais abatidos no matadouro de Sousel.
Para ser iniciado o trabalho de estimular e relançar a fileira da carne em Sousel, o Município assinou um contrato com produtores, agentes locais e responsáveis pelo Matadouro Regional do Alto Alentejo.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima