Bombeiros do Baixo Alentejo sem equipamento por concurso cancelado

Bombeiros do Baixo Alentejo sem

A Cimbal garante que o atraso na entrega dos equipamentos de protecção individual aos bombeiros da região se deve ao facto do concurso lançado ter ficado "sem efeito".
Em declarações à Agência Lusa, fonte da Cimbal – Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo explicou que o concurso público internacional, que decorreu no ano passado, "ficou sem efeito, porque os equipamentos apresentados pelos candidatos não cumpriam as normas" e, por isso, "não foi possível adjudicar a aquisição" do material.
O júri lançou um novo concurso, que está a decorrer até ao final deste mês, indicou a fonte, acrescentando que, "se tudo correr bem", a Cimbal espera adquirir e entregar os equipamentos de protecção individual aos bombeiros da região "até Setembro" deste ano.
No passado dia 30 de Junho o ministro da Administração Interna, Miguel Macedo, manifestou-se preocupado por corporações de bombeiros ainda não terem recebido, no início da época de fogos, os equipamentos de protecção individual das comunidades intermunicipais.
No âmbito de um protocolo assinado com o Ministério da Administração Interna em 2013, as comunidades intermunicipais ficaram com a responsabilidade de dotar as corporações de bombeiros das respectivas regiões com equipamentos de protecção individual, que são compostos por fato, luvas, botas, capacete e máscara.
"Sei que todos [os concursos para aquisição dos equipamentos] estão a correr, mas é verdade que muitos ainda não foram entregues. Estou evidentemente preocupado e preferia que tivessem sido entregues", disse Miguel Macedo, referindo que apenas uma parte das corporações já receberam os equipamentos de protecção individual.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima