Beja: Alegado homicida de segurança das obras do aeroporto começa a ser julgado a 29 de Março

Beja: Alegado homicida de segurança das obras do aeroporto começa a ser julgado a 29 de Março

O Tribunal de Beja começa a julgar no próximo dia 29 o homem suspeito de ter matado, em 2008, um segurança do estaleiro do aeroporto local e que é acusado de cinco crimes, como o de homicídio qualificado.
Segundo fonte do tribunal contactada, o arguido, além do crime de homicídio qualificado, é acusado de um crime de furto qualificado, um de furto e dois de detenção de arma proibida.
De acordo com a Polícia Judiciária, o crime ocorreu na madrugada de 25 de Junho de 2008, quando o arguido terá agredido a vítima na cabeça “de forma extremamente violenta”, o que “a levou a ficar desfigurada e a morrer”.
O arguido, que está em prisão preventiva, roubou uma espingarda de caça à vítima, de 31 anos, natural das Caldas da Rainha (Leiria) e que era funcionário da empresa que então prestava serviços de vigilância e de segurança no estaleiro.
O cadáver do segurança foi encontrado cerca das 08h00 de 25 de Junho de 2008 e, neste dia, a GNR detectou indícios de crime e entregou o caso à Directoria de Faro da Polícia Judiciária.
O arguido, que chegou a trabalhar nas obras do aeroporto de Beja, de onde se ausentou após o crime, foi detido em Outubro de 2010 pela Polícia Judiciária, que lhe apreendeu duas armas de fogo.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima