Bastonário dos Médicos pede mais incentivos

Bastonário dos Médicos

O bastonário da Ordem dos Médicos entende que devem ser criados novos incentivos para fixar jovens médicos nas regiões do interior, caso do distrito de Beja, onde faltam cerca de sete dezenas de clínicos.
Miguel Guimarães esteve nesta terça-feira, 25, em Beja, onde visitou o Hospital José Joaquim Fernandes e reuniu com a administração da ULSBA e outros responsáveis ligados ao sector, e no final reconheceu ser necessária “uma política de incentivos diferente do habitual” para trazer “mais médicos em várias especialidades para zonas carenciadas” do país.
Segundo o bastonário, estas medidas são ainda mais urgentes em zonas como Beja, onde a ULSBA precisa actualmente “de mais 70 médicos” e mais de metade do seu corpo clínico conta “mais de 55 anos”.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima