Avenida marginal de Alcácer do Sal vai ter obras de 2,3 milhões de euros

Avenida marginal de Alcácer do Sal vai ter obras de 2

As obras de requalificação da avenida marginal de Alcácer do Sal, já com visto favorável do Tribunal de Contas, vão acabar com as descargas dos esgotos para o rio Sado, sendo encaminhados para tratamento, revelou hoje o município.
Em comunicado enviado à Agência Lusa, a Câmara de Alcácer do Sal, responsável pelo projecto, explica que a obra prevê “a criação de condições para encaminhar os esgotos para tratamento, deixando estes de ser descarregados no rio Sado”.
Integrado no Programa de Regeneração Urbana de Alcácer do Sal (RUAS), a intervenção prevê um investimento a rondar os 2,3 milhões de euros, comparticipados em 80 por cento por fundos comunitários, através do Programa Operacional Regional do Alentejo (InAlentejo).
De acordo com a autarquia, os trabalhos, que abrangem toda a frente ribeirinha de Alcácer do Sal, numa área total de 34 mil metros quadrados, envolvem também “a reformulação dos espaços públicos e das infra-estruturas, nomeadamente de abastecimento de água e saneamento”.
Com um prazo de execução de um ano, a obra prevê ainda a criação de espaços verdes e de estacionamento, esplanadas, um novo edifício para Posto de Turismo e uma escola de actividades náuticas, revela o município.
Esta é a segunda grande intervenção do programa RUAS, sendo que a primeira arrancou no início de Novembro passado, com as obras de requalificação no Largo dos Açougues, na zona alta da cidade, junto ao castelo, tendo um custo global de 700 mil euros.
Estes trabalhos pretendem dar melhores condições aos habitantes daquela zona da cidade, nomeadamente em termos de qualidade da fibra óptica, dos telefones, da electricidade e dos esgotos, segundo o presidente do município, o socialista Pedro Paredes.
O autarca já indicou que o Programa RUAS previa ainda uma terceira intervenção, também junto ao castelo, mas que não passou da fase de projecto, porque não havia dinheiro para a realizar actualmente.

Partilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Correio Alentejo

Artigos Relacionados

Role para cima